Feeds:
Posts
Comentários

Archive for agosto \30\UTC 2008

Vício

Sorvete de café com calda de chocolate e amêndoas

Sorvete de café com calda de chocolate e amêndoas

 

Trata-se de um sorvete da Starbucks que tomamos pela primeira vez na casa de uns amigos.  Ô praga!  O troço é tão bom, tão cremoso, tão gostoso que faz até quem não é muito fã de doces mudar a rota para comprá-lo. Hoje o marido chegou em casa com um pote na mão e um sorriso no rosto! 

 

Já tinha provado alguns sabores, mas o Coffee Almond Fudge é o campeão!  Ele nada mais é que um sorvete de café da Starbucks com fudge de chocolate (uma calda de chocolate cremosa) e amêndoas crocantes cobertas com chocolate.  Aff…. É muito bom!  Os nossos amigos avisaram que era viciante e nós não acreditamos.

 

Mais umas das coisas boas daqui. Boas, mas que se não tomar cuidado viram um perigo! Tem muita porcaria gostosa para comer e que engorda horrores. Preciso estar sempre vigilante.

 

Depois coloco uma foto do potinho que está lá no congelador. Se ainda tiver alguma coisa… * risos *  Pronto, taí a foto dele, ainda congelado. Delícia!

Read Full Post »

Quando a revolução Industrial tomou conta dos Estados Unidos, um americano médio trabalhava 12 horas por dia e sete dias da semana para ganhar o suficiente para sobreviver.  As crianças também trabalhavam, pois elas ofereciam uma mão de obra barata aos empregadores. Naquela época (final do século 19), as leis contra o trabalho infantil não eram fortemente obedecidas.

Com as longas horas e terríveis condições de trabalho,  as uniões de trabalhadores se tornaram mais proeminentes e passaram a exigir melhores condições de vida.  No dia 5 de Setembro de 1882, terça-feira, dez mil trabalhadores marcharam do prédio da prefitura até o Union Saquare em Nova Iorque, estabelecendo a primeira passeata do Dia dos Trabalhadores.  Participantes tiraram um dia de folga em homenagem aos trabalhadores americanos, além de discutir os problemas com seus empregadores.  Com o passar dos anos, mais estados passaram a realizar passeatas, mas o Congresso não oficializou o feriado até 12 anos mais tarde.  A primeira segunda-feira de Setembro seria considerada um feriado para os trabalhadores.  (fonte: history.com)

Na prática, muitas lojas fecham permitindo que as pessoas aproveitem o dia com suas famílias.  E olha que aqui o comum é ter as lojas abertas de domingo a domingo durante praticamente o dia todo.   Os americanos gostam de aproveitar o longo final de semana fazendo atividades ao ar livre.  Ir à praia, acampar, andar de bicicleta,  ir à piscina públicas ou em condomínios (em muitos lugares elas fecham depois do feriado) e é claro, fazendo churrasco.  Já ouvi brincadeiras dizendo que esse é o final de semana oficial do churrasco nos Estados Unidos.  Parece que todo mundo quer aproveitar!

Mas apesar do Dia do Trabalho, em inglês Labor Day,  significar uma celebração do movimento trabalhista e suas conquistas,  a data se tornou mais como uma celebração popular do último longo final de semana do verão antes do Outono chegar.  E como o feriado cai na segunda-feira, este final de semana é prolongado! Oba!

Parece que apenas popularmente o verão acaba na segunda, pois descobri que oficialmente ele vai até a terceira semana de Setembro.  Percebi ainda que o início do ano letivo aconteceu essa semana que passou, com a vida das crianças, adolescentes e de quem tá na faculdade, voltando ao normal.  Por aqui o clima já está mais fresquinho, o sol não apareceu mais e a chuva não vai embora há dois dias.  Acho que já posso dizer tchau para o verão. =(

Nunca tive as estações do ano bem definidas e talvez por isso eu estou adorando vivenciar isso tudo.  O tradicional início do verão é no feriado de Memorial Day, na última segunda-feira de Maio. Coincide mais ou menos com o famoso feriado religioso de Corpus Christi no Brasil.  Uma data muito esperada por mim, pois é quando eu posso guardar os meus casacos e colocar as pernocas de fora!

Bom, aqui vai mais um textinho para complementar, principalmente se vc é curioso como eu e está se perguntando por que o Dia do Trabalho não é celebrado no dia 1º de Maio.

A organização trabalhista chamada Cavaleiros do Trabalho organizaram uma passeata em 5 de setembro de 1882 em Nova Iorque.  Em 1884 outra passeata foi realizada e os Cavaleiros criaram uma resolução para que isso se tornasse um evento anual.  Outras organizações trabalhistas (e existiam muitas outras) queriam que o feriado fosse no dia 1º de Maio.  Essas organizações eram afiliadas da Associação Internacional dos Trabalhadores, muitos dos quais eram socialistas e anarquistas.  Em 1886,  houve uma greve geral que acabou garantindo nos Estados Unidos uma jornada de oito horas de trabalho por dia.  Esses eventos são hoje comemorados como o Dia do Trabalho praticamente em todos os países do mundo, com exceção dos Estados Unidos, Canadá, Austrália e Nova Zelândia.  Com o Massacre de Haymarket em Chicago* no início de Maio de 1886, o presidente Grover Cleveland achou que comemorar o Dia do Trabalho em 1º de Maio poderia se tornar uma oportunidade de comemorar o massacre. Além de temer que isso pudesse fortalecer o movimento socialista, ele prontamente apoiou a posição da organização Cavaleiros do Trabalho e a sua data para o feriado do Dia do Trabalho em setembro.

* Evento que entrou para a história como uma passeata violenta de anarquistas.

Read Full Post »

Olha só isso:

Catálogo de Tintas Ralph Lauren

Catálogo de Tintas Ralph Lauren

 

 

How-To DVD com Técnicas de Pintura

How-To DVD com Técnicas de Pintura

Estamos escolhendo uma cor para pintar a sala de tv.  Maridão deu uma passadinha rápida depois do trabalho numa superloja de material de construção e trouxe uns catálogos de tintas.  Fiquei boba com o estilo da coisa! Tintas Ralph Lauren, tá querida?  Ele ainda comprou um DVD que ensina diferentes técnicas de pinturas.  Muito legal e o melhor, são fáceis de fazer!

 

Uma das coisas que eu adoro nos Estados Unidos é a variedade de tudo o que você puder imaginar. São opções para todos os tipos de gostos. Exageradamente variado! A-d-o-r-o.  E além disso, também adoro o way of life americano onde tudo é super prático, super rápido e super eficiente.  A vida fica tão mais fácil =)

 

E as minhas paredes vão ganhar um visual ultramoderno e chique.  Delícia!  =)

 

Se quiser saber mais, clica aqui rlhome.polo.com

Read Full Post »

Fashion

Sempre gostei de andar bem vestida, mas nunca me liguei em marcas ou o quê todo mundo estava usando.  Sempre tive o meu estilo, básico na maioria das vezes, mas único.  Depois que mudei para os Estados Unidos, precisei rever o meu guarda-roupa por que eu simplesmente não tinha roupas para usar quando o inverno chegou.  Pânico total.  Acabei comprando as roupas mais quentinhas que vi pela frente e, claro, nem sempre eram as mais bonitinhas.  E mesmo quando eram bacaninhas, eu não sabia como coordenar com os sapatos, casacos, meias, cachecóis & afins.  Aff, foi um desafio encarar o inverno do ano passado.

Para evitar as crises, eu ando mais antenada na moda.  Mas não acho que as crises foram apenas por causa das roupas de inverno, eu acho que também aconteceram por causa da idade (??).  Para quem ainda tem roupas de quando era adolescente no armário, eu realmente tinha que entrar em crise.  Acho que o tempo vai passando, os conceitos vão mudando e os interesses também.  Fico impressionada como tenho blusinhas e tops justinhos, que deixam a barriga de fora.  Ou peças superjustas, supercurtas que marcam o corpo.  Não, não engordei não.  Todas as peças ainda cabem confortavelmente em mim, inclusive uma bermudinha jeans número 36.  Mas eu é que não me sinto mais à vontade.  Não acho que fico elegante vestindo as mesmas roupas de aaaanos atrás.  Atualizei algumas peças, mas a maioria ainda é de mil novencentos e bolinhas.

Tenho lido muitos blogs de moda e as idéias são muito legais!  Preciso fazer uma listinha dos must-have  – do que eu preciso ter –  e outra listinha das coisas que posso me desfazer no meu closet que eu já não uso mais.

O lado bom disso é que existem muitas lojas maravilhosas para esta fase em que me sinto.  A minha mais nova paixão se chama White House Black Market.  Eu literalmente não consigo tirar os vestidos da cabeça depois que coloquei os meus pezinhos nela pela primeira vez no sábado.  Olha só:

Vestidos White House Black Market
Vestidos White House Black Market
Mais vestidos White House Black Market

Mais vestidos White House Black Market

Lindos!  Isso sem falar nos tops, túnicas, sapatos, acessórios, lenços, etc.  E o melhor (ou pior!!) é que ela está com 40% de desconto.  Quer ver mais?  Vai lá www.whitehouseblackmarket.com
Ex Corde.
Mais Fashion:

Read Full Post »

Preparação!

Essa semana eu recebi o meu passaporte com o visto para o Japão.  Oba!  Agora posso começar a me preparar psicologicamente para a viagem.  É que compramos as passagens antes de tirar o visto e a japinha lá da Embaixada Japonesa me colocou um medinho, meio que não dando certeza de que o meu visto seria realmente expedido.  Ai…  Deu uma invejinha do marido que não precisa de visto…  * rs *

 

Mas deu tudo certo e eu estou animadíssima!!

 

A preparação para a viagem começa com muita leitura. Adoro!  O meu cunhado mandou diretamente do Japão um livrinho de bolso sobre Tóquio e ainda marcou nele as atrações que vamos visitar.  Nem preciso dizer que já li todinho e que fiquei com vontade de ler mais.  Coincidentemente o marido chegou em casa ontem com mais um livro sobre o Japão.  Esse é do Discovery Channel e tem de tudo um pouco: história, economia, pontos turísticos, cultura, comida…  Informação não vai faltar!

Leitura obrigatória para a viagem

Leitura obrigatória para a viagem

 

 

Read Full Post »

Acordei propositalmente antes das oito horas da manhã para assistir a final de vôlei do Brasil e Estados Unidos. Dias e horas articulados com o meu pai, espectador assíduo dos jogos das Olimpíadas e que me manteve atualizada dos acontecimentos esportivos. Liguei a televisão do quarto, ainda meio sonolenta e comecei a procurar nos canais. Nada. Ou melhor, achei um jogo de futebol da Nigéria contra Argentina e um jogo de baseball que nem quis saber quem jogava. O mesmo jogo de baseball apareceu em vários canais. Eu nem sabia que baseball era jogo olímpico. Humpft!! Já senti aquela irritação vindo… Desci e corri para a televisão da sala, pois ela tem os canais da tv à cabo. Literalmente uns trezentos canais e nenhum transmitindo a final do vôlei. Desci mais um pouco para ver se os canais digitais (high definition ou HD), que só têm na televisão grandona lá debaixo, estavam transmitindo algo além do baseball e do futebol. Achei um jogo de basquete, mas nada da final do vôlei. NADA. Como assim?

Liguei para o meu pai quase chorando. Ele prontamente e pacientemente providenciou uma transmissão rachimbauniana (putz, depois eu explico a origem dessa palavra) e voilá! eu estava assistindo o jogo através do skype. Tudo bem que a imagem tava meio borrada e os passes estavam meio que em câmera lenta por causa da conexão, mas foi ótimo! Acompanhei o último set inteirinho e vibrei com emoção nos últimos pontos. E o mais gostoso foi assistir “junto” com meus pais. Viva a tecnologia!

Agora não páro de me perguntar por que não existe uma cobertura eficiente nesse país de primeiro mundo. O marido diz que é por que ninguém assiste e por isso não tem audiência suficiente para eles faturarem uns dólares. Seria isso? Ou será que tem outros fatores históricos, culturais, filosóficos, epistemiológicos, or whatever por trás disso?

Só sei que fiquei muito frustrada. Mas depois muito feliz com a vitória!

Read Full Post »

Descobertas de Verao

Rosas
Rosas da minha roseira

Descobri que o calor dessa estacao e bom para as rosas. Na verdade, eu estou adorando curtir as 4 estacoes do ano com as delicias e dores de cada uma. Quando falo em dores, quero dizer literalmente as dores que sinto nos ossos no inverno. Descobri que o frio doi! Mas nem quero lembrar dele agora. Quero mais e aproveitar o calor e as maravilhas que vem com ele como assistir um botao de rosa brotar. Lindo! Plantei a primeira roseira no meu jardim e acompanhei o seu nascimento e desabrochar pelo telefone, atraves da minha irma. Sem fotos. Eu estava viajando. Mas tive a alegria de depois ver outras rosas e me apaixonei. Gostei tanto que plantei a segunda roseira no meu jardim. Essa e um tipo diferente, mas nao menos bonita. E o barato maior e poder colher um botao de rosa no meu jardim e ve-lo brotar no vasinho na cabeceira da minha cama. Ah, como eu gosto! Acho que o calor do verao nao faz bem apenas para as roseiras, ajuda a aquecer o meu coracao.

***

Ops, teclado sem acentos. Preciso consertar isso. Já consertei!

Read Full Post »