Feeds:
Posts
Comentários

Archive for novembro \30\-05:00 2009

O dia de Ação de Graças foi na quinta-feira, mas o feriado prolongado começou na quarta depois do meio-dia.  O trânsito estava complicado, os jornais mostravam como os aeroportos estavam cheios, todo mundo correndo de um lado para o outro se preparando para as festividades e para as compras!

Tive muito o que agradecer neste Thanksgiving.  Na verdade, agradeço todos os dias –  literalmente, por tudo o que tenho.  Algumas pancadas da vida me mostraram o VALOR de ter o meu Marido de volta em casa no final de um dia de trabalho; de falar com meus pais & familiares e saber que estão todos com saúde; de ter disposição e alegria em viver, trabalhar e conseguir coisas materiais – essas são apenas detalhes, mas que tornam a vida mais agradável.  Passamos a quinta-feira na casa de amigos queridíssimos, o que só me lembrou como é valioso ter amigos.  Pessoas com culturas, hábitos, opiniões, gostos diferentes que nos recebem com o coração aberto me enchem de alegria.  O engraçado é que às vezes a gente espera tanto de quem está “perto” que fica com a visão meio nublada dificultando ver quem está “longe”.  Enfim, agradeço até pelas cabeçadas que dou pois elas me fazem abrir os olhos para facetas da vida que eu nunca tinha visto antes.

A movimentação do final de semana também se deu por causa da tão comentada Black Friday ou ainda Sexta-feira Negra, de acordo com a minha tradução!  É nesse dia, logo após o Dia de Ação de Graças, que as lojas colocam descontos inacreditáveis.  Coisa meio de maluco mesmo, com as lojas abrindo as 4 horas da manhã e com gente acampando na porta para ser o primeiro a entrar.  Esses são aqueles que conseguem comprar uma televisão de plasma de 40 polegadas por 450 dólares!  Eu sinceramente não curto muito a idéia!  Sou do tipo de gente que odeia multidão porque acabo não conseguindo me concentrar e comprar direto, além do que comprar só porque tá  barato não é muito a minha praia.  Marido também divide esse pensamento, então passamos a manhã de sexta organizando a garagem, jogando fora o que não prestava e organizando os itens para doar, como fazemos todo final de ano.  Masssss, passamos no shopping no final do dia e eu fiz uma comprinha em uma das minhas lojas favoritas (Oi, Dani!).  Depois eu conto mais!

Aproveitamos ainda o final de semana prolongado para trabalhar em alguns projetos pendentes na casa e para relaxar também!  Fomos ao cinema assistir Twilight – New Moon.  Vampiros e lobos não me seduzem muito não, mas valeu a pena estar com amigos e conhecer um complexo de cinemas que eu ainda não conhecia rodeado por uma super área de entretenimento & alimentação.  Fechamos a noite na California Pizza Kitchen, um lugarzinho delícia que desmente o fato de que americanos só comem pizza de pepperoni. 

Espero que o seu final de semana tenha sido tão bom quanto o meu!!

Ex corde.

Read Full Post »

Um dos maiores feriados americanos  – o Dia de Ações de Graças – acontece nesta quinta-feira, dia 26.  Lembro que ano passado eu contei um pouco sobre a origem da festividade, mas não falei sobre como as pessoas se mobilizam desde o início do outono na decoração das casas para esperar o grande dia. 

As cores do outono são as cores do Dia de Ação de Graças.  A decoração gira em torno das folhas secas, do peru, das abundantes abóboras e tudo se veste em tons de laranja, vermelho, amarelo.  Acho um charme só como as mesas são postas para a refeição formal com as velas acesas.  

 

 

 

 

O tradicional peru é servido no Dia de Ação de Graças e vem sempre recheado com uma mistura de pedaços de pão temperado com verdurinhas e legumes chamado de stuffing.  O peru é companhado de purê de batatas com gravy (molho feito com os líquidos do cozimento do peru), legumes como o feijão verde, o molho doce de cranberry e às vezes uma sopa de abóbora. 

E como essa época do ano é temporada de abóbora, a tradicional sobremesa não poderia ser diferente: torta de abóbora! 

Existem mil idéias de decoração e utensílios de cozinha para deixar tudo com a cara das festividades.  Não tem como não se surpreender quando se entra nas lojas pela primeira vez e se vê a quantidade de coisas!  Muitas vezes eu acho meio excessivo, estimulando um lado capitalista – você começa a querer comprar tudo!  Mas não posso negar que os pequenos detalhes dão um ar todo especial para o feriado.

Happy Holidays!  Happy Thanksgiving!

Ex corde.

*  Todas as fotos são do catálogo da Williams-Sonoma.

Read Full Post »

O hit do momento!

O hit do meu momento!  =)

Pode avançar o vídeo para o minuto 1:00 que é lá que a música começa.

Boa segunda-feira para vocês!

Ex corde.

Read Full Post »

Vai viajar para os Estados Unidos e não quer se traumatizar com o aguado café gringo?  O seu lugar é aqui e agora.

O café americano comum já é diferente pela qualidade do pó.  Ele não é fininho como o brasileiro, onde percebe-se que foi bem moído; ele é meio granulado cheio de coisinhas.  E quando coado, o café é sempre fraco, sem muito gosto de café e com a cor de café mas meio translúcido, sabe? 

Então a regra #1 é nunca pedir um café normal em lugar nenhum.  Se você pedir, é garantido receber uma xícara cheia de café preto e sem gosto.  Se você pedir leite, vai vir separado e gelado.  Sim, americanos misturam leite gelado no café quente.  Eu particularmente não gosto porque esfria o meu café num piscar de olhos.  E isso considerando que o lugar tem leite de verdade para oferecer, pois a maioria esmagadora dos americanos toma café com creme.  Creme este que eu não sei exatamente de que é feito e e que vem em milhares de sabores artificiais diferentes – avelã, chocolate, baunilha, caramelo, nozes, etc, etc.  O resultado é um café que não tem gosto de café!

A solução para um brasileiro que aprecia um bom café é pedir o expresso.  Mas atenção!  Se você pedir uma dose de café expresso, você vai receber dois dedos de café ultra forte servido num copo descartável onde caberia meio litro de café ou em um mini copo (!?).  

Regra #2 é pedir um latte, o que para os gringos significa café expresso com leite.  Mas se você é como eu que precisa da cafeína para funcionar, peça o seu latte com duas doses de café expresso = double shot latte.  Eu garanto que você vai receber um café com leite (de verdade!) bem quente e bem forte!  A desvantagem é geralmente os lugares cobram extra por cada dose de café expresso.  Mas pelo menos você não morre de raiva!

Outra alternativa é pedir um cappuccino.  Mas não vá achando que é igual ao cappuccino servido no Brasil.  Aqui, a diferença entre o latte e o cappuccino está na espuma do leite que é adicionada no último.  Só.  Você também pode pedir extra doses de café expresso no cappuccino, deixando-o mais forte.  Essa foto que eu tirei hoje de manhã do meu latte ajuda a ilustrar o que eu tô querendo dizer:

Com essas dicas básicas, você pode sobreviver a uma viagem aos Estados Unidos sem ter que engolir o aguado café americano.  Ah, e uma última dica: experimente o café do Dunkin Donuts ao invés de tomar o famoso Starbucks todos os dias.  São mais gostosos e bem mais baratos!  

Ex corde.

Read Full Post »

Older Posts »